Vendas de jogos digitais foram 18x maiores que as físicas em 2023

Vendas de jogos digitais foram 18x maiores que as físicas em 2023

O cenário digital consolidou seu domínio na indústria de jogos, revelando números expressivos em relação ao consumo e às receitas. Segundo dados da Newzoo, o faturamento total das mídias digitais de jogos em 2023 atingiu a marca de US$ 174,5 bilhões, marcando um crescimento modesto de 0,8% em relação ao ano anterior. Esse montante, no entanto, foi cerca de 18 vezes superior à receita proveniente das edições físicas.

O levantamento apontou uma queda de 3,8% nas vendas de cópias físicas de jogos em 2023, gerando uma receita de US$ 9,5 bilhões. Esse valor representa aproximadamente 18,5 vezes menos do que as edições digitais alcançaram. O mercado total de jogos em 2023 registrou uma receita de US$ 184 bilhões, mantendo-se praticamente estável em comparação com 2022, com um aumento de apenas 0,6%.

Os jogos mobile continuam dominando o mercado, representando 49% da receita total, alcançando US$ 90,4 bilhões, mesmo com uma pequena queda de 1,6% em relação ao ano anterior. Em segundo lugar, os jogos de consoles compõem 29% do mercado, com uma receita de US$ 53,2 bilhões, representando um aumento de 1,9% em relação a 2022. Os jogos de PC, responsáveis por 21% da fatia, registraram o maior crescimento em 2023, atingindo uma receita de US$ 38,4 bilhões, um aumento de 5,2% em relação ao ano anterior.

A revolução digital é evidenciada pelo fato de que 95% da receita total de jogos em 2023 derivou de mídias digitais. Nos PCs, 99% das vendas de jogos são em formato digital, enquanto nos consoles, 83% são provenientes dessa modalidade. O lançamento do PlayStation 5 “Slim”, que prioriza a mídia digital, e a presença contínua do Xbox Series S contribuem para o fortalecimento dessa tendência, indicando que os consoles estão caminhando cada vez mais para a predominância do formato digital, à medida que a indústria se adapta à crescente preferência por esse modelo de consumo.