Stephen Amell não está de acordo com Greve dos Atores: “não apoio”

Stephen Amell diz que Greve dos Atores é "totalmente frustrante", e não apoia paralisação

Stephen Amell/Greve dos Atores (Reprodução: CW/Warner Bros.)
Stephen Amell/Greve dos Atores (Reprodução: CW/Warner Bros.)

Constantemente associado ao seu icônico papel da série Arrow, em nova declaração, Stephen Amell causa polêmica ao quebrar o silêncio sobre à atual Greve dos Atores: “frustrante”.

Trabalhando atualmente em Heels, série do Starz que já segue com duas temporadas, o ator declarou publicamente que não estará se unindo ao Sindicato dos Atores (SAG-AFTRA) e Roteiristas (WGA), para lutar por melhores condições de trabalhos, enquanto os estúdios não estão dispostos a negociar com ambas as partes (via Deadline).

Em entrevista ao Hollywood Handle, o intérprete de Oliver Queen na série Arrow, Stephen Amell, afirma que não está de acordo com a paralisação de Hollywood, devido à Greve dos Atores: “Eu apoio meu sindicato, sim, eu estou com eles, mas não apoio a greve, simplesmente não apoio. Acho que é uma tática de negociação redutora e acho tudo isso totalmente frustrante.”

A luta por trás da Greve dos Atores e Roteiristas, movimento sem o apoio de Stephen Amell

Paralisando a grande maioria dos trabalhos de Hollywood, o Sindicato dos Atores (SAG-AFTRA), se uniu aos roteiristas para a greve trabalhista, após os estúdios se recusarem aceitar acordos que abranjam um aumento dos royalties pela exibição dos filmes e séries nos streamings, além de limites para o uso da inteligência artificial, que pode comprometer o trabalho de diversos artistas.

Apesar da pública falta de apoio de Stephen Amell com a Greve dos Atores e Roteiristas, artistas como Tatiana Maslany, Mark Ruffalo, Susan Saradon e Logan Lerman, são apenas alguns dos artistas que estão lutando por melhores condições em seus contratos.