Rapper 50 Cent é processado após jogar microfone no rosto de mulher durante show em Los Angeles

Fã do rapper 50 Cent alega "danos graves e permanentes" e busca compensação por incidente com microfone durante a apresentação

O rapper 50 Cent - Foto: @50cent
O rapper 50 Cent – Foto: @50cent

O rapper 50 Cent encontra-se no centro de um processo judicial movido por Bryhana Monegain, apresentadora de rádio da POWER 106, que alega ter sofrido “danos graves e permanentes” e “sofrimento emocional” durante um show em Los Angeles (EUA).

Segundo a revista People, que obteve os documentos da ação protocolada na quinta-feira (25/01), Monegain acusa 50 Cent de causar lesões ao jogar o microfone em seu rosto durante uma apresentação, alegando que o incidente resultou em danos físicos e emocionais significativos.

Segundo a denúncia, o rapper lançou o microfone após perceber que não estava funcionando durante a turnê The Final Lap, em 30 de agosto, na Crypto.com Arena. Monegain afirma ter sido atingida no rosto e no pulso esquerdo, sendo posteriormente transportada de ambulância para o pronto-socorro do Los Angeles General Medical Center.

Mulher atingida por 50 Cent quer reparação

A apresentadora de rádio recebeu tratamento para ferimentos causados pela atitude de 50 Cent que incluíram “concussão, laceração na testa e dor no pulso esquerdo”.

Além disso, Monegain relata sintomas contínuos, como tonturas, dores de cabeça, sensibilidade à luz e ao som, e náuseas, alegando que continua a enfrentar “lesões graves e sofrimento emocional”.

No processo, Monegain busca compensação pelas despesas médicas relacionadas ao incidente, além dos salários perdidos durante o período de recuperação. Até o momento, o rapper não se manifestou sobre o ocorrido.