Caue Moura lamenta morte de PC Siqueira e fala sobre o impacto da notícia

O produtor de conteúdo Caue Moura presta homenagem e aborda o linchamento virtual sofrido pelo youtuber PC Siqueira.

Caue Moura e PC Siqueira - Foto: Reprodução / Instagram @cauemoura @pecesiqueira
Caue Moura e PC Siqueira – Foto: Reprodução / Instagram @cauemoura @pecesiqueira

Caue Moura, influenciador digital e amigo de longa data de PC Siqueira, que faleceu aos 37 anos no final de dezembro, quebrou o silêncio e abordou a morte do colega em um vídeo emocional publicado em seu canal no YouTube. O youtuber expressou profundo choque e impacto com a notícia, revelando que se afastou das redes sociais durante esse período difícil.

Saí das redes sociais. Não quis ler nada. (…) Desejamos força à família, porque é uma dor que não passa em um mês, enfim“, compartilhou Cauê Moura. Ele ressaltou que não manteve contato com PC Siqueira desde 2020, mas destacou a importância do influenciador em sua vida, lembrando que PC foi pioneiro na criação da profissão de youtuber.

Moura falou sobre o linchamento virtual que PC Siqueira enfrentou, especialmente após ser acusado de pedofilia. Ele abordou a resiliência de PC diante do cyberbullying, destacando que o influenciador lidou com a situação de forma única. A perícia policial não encontrou provas contra PC Siqueira em relação às acusações.

Caue Moura comenta sobre PC Siqueira

Ele lidou com o cyberbullying que pouca gente lidou“, comentou Cauê Moura, reconhecendo a difícil jornada enfrentada pelo amigo. O vídeo de Cauê Moura serve como uma homenagem ao famoso youtuber e como uma reflexão sobre as consequências do linchamento virtual nas redes sociais.

O youtuber morreu aos 37 anos no dia 27 de dezembro do último ano, segundo as primeiras informações, a causa do falecimento foi suicídio por enforcamento. A Revista Oeste informou que teve acesso ao Boletim de Ocorrência registrado no 11º Distrito Policial em São Paulo, na região de Santo Amaro. Segundo o portal, o famoso foi encontrado morto no apartamento onde morava na rua Bela Vista. No local, policiais encontraram um fio de nylon enrolado no pescoço do influencer, sustentado em uma barra de exercícios físicos. Ele teria cometido o ato na frente de sua namorada, Maria Watanabe.