Ryan Murphy revela quantos atores fizeram teste para protagonizar “Dahmer: Um Canibal Americano”

Evan Peters sempre foi uma das escolhas principais.

Dahmer: Um Canibal Americano
Reprodução/Internet

“Dahmer: Um Canibal Americano” foi uma das séries mais comentadas nesse ano. Protagonizada por Evan Peters, a trama tem Ryan Murphy a frente da produção. Em uma entrevista para o Collider, ele afirma detalhes sobre a escolha do personagens principal e revela a quantidade de atores que foram testados para protagonizar a série.

A trama conta detalhes do canibal Jeffrey Dahmer, que foi responsável pelo assassino de 17 homens nos Estados Unidos nos anos 80. Para viver o assassino, a escolha do personagem foi delicada como afirma Murphy, ele disse que Peters era uma certeza por já terem trabalhado juntos em outras produções como American Horror Story, mas que os testes foram feitos com cerca de 100 atores.

Entenda o caso de Jeffrey Dahmer

O crime em que a série foi baseada ocorreu entre os anos 1978 e 1991 nos Estados Unidos. O serial killer foi responsável por 17 mortes de vítimas que apresentavam características parecidas. Todos eram homens e adolescentes, a grande maioria representava a comunidade LGBTQIA+, eram indígenas, negros ou de baixa renda.

Ele cometeu essa série de crimes no estado de Wisconsin, antes de matar de forma brutal, ele cometia violência sexual e torturava as vítimas. As pessoas não desconfiavam de suas atitudes, até que uma vizinha começou a estranhar e por alguns descuidos com uma vítima, o crime foi revelado.

A série mostra detalhes da juventude do assasino além de descrever como ele atraia as vítimas. Dahmer é vivido por Evan Peters na série documental, que foi criada por Murphy e Ian Brennan. O elenco da produção também conta com Richard Jenkins e Penelope Ann Miller.