Jogo VR de Assassin’s Creed fracassa e Ubisoft corta investimento

Assassin’s Creed Nexus VR foi lançado em novembro de 2023 e permite aos jogadores controlar os protagonistas Ezio Auditore, Connor Kenway

Jogo VR de Assassin's Creed fracassa e Ubisoft corta investimento

Durante uma sessão de perguntas e respostas após a divulgação dos resultados fiscais da Ubisoft, Yves Guillemot, cofundador e CEO da empresa, compartilhou uma revelação surpreendente: Assassin’s Creed Nexus VR, o título de Realidade Virtual da franquia, teve vendas abaixo das expectativas.

Guillemot expressou um certo desapontamento com o desempenho do jogo, admitindo que, embora ainda esteja vendendo, esperava-se que fosse um sucesso maior. Essa constatação está mudando a abordagem da Ubisoft em relação ao segmento de VR.

O CEO indicou que, devido ao resultado insatisfatório, a Ubisoft não planeja fazer novos investimentos significativos em VR no momento. No entanto, eles continuarão monitorando de perto o mercado e considerando uma possível retomada no futuro, caso as condições se mostrem mais favoráveis.

Assassin’s Creed Nexus VR foi lançado em novembro de 2023 e permite aos jogadores controlar os protagonistas Ezio Auditore, Connor Kenway e Kassandra em missões de infiltração e eliminação, proporcionando uma experiência imersiva em primeira pessoa.

O jogo foi desenvolvido ao longo de vários anos pela Ubisoft Red Storm, com colaboração de escritórios da empresa em diversas partes do mundo. No entanto, apesar do esforço dedicado ao projeto, as vendas aquém do esperado levaram a uma reconsideração dos planos futuros da Ubisoft em relação ao VR.

Embora o CEO tenha expressado admiração pelo hardware criado pela Apple, como o headset Apple Vision Pro, ele enfatizou que a Ubisoft atualmente não considera o VR como uma prioridade de investimento. A empresa está redirecionando seus recursos para áreas que oferecem um potencial de crescimento mais imediato e significativo.