Heimdall foi criado para ser “socável” em God of War Ragnarok

God of War Ragnarok já está disponível para PS4 e PS5.

Heimdall foi criado para ser "socável" em God of War Ragnarok
Reprodução

Apesar de contar com antagonistas de peso como Odin e Thor, o vilão mais irritante de God of War Ragnarok é, sem dúvidas, Heimdall, o eterno vigilante de Asgard e guardião das fronteiras do reino. Desde a sua apresentação, o personagem petulante se comporta tanto como ameaçador quanto insuportável pela arrogância e isso só foi feito para motivar o jogador a querer espancá-lo o quanto antes.

É o que afirma o diretor Eric Williams em entrevista ao IGN. Tudo o que envolveu a criação de Heimdall teve o intuito de torná-lo o mais “socável” possível.

“Ele é uma mistura de tudo que as pessoas não gostam nos outros. Mas há uma razão por trás disso. Ele pode ler as intenções (mente) das pessoas. Imagine o que isso faria com você. Você pode realmente ler por que eles não gostam de você. E isso só vai te enojar. Ele é apenas um idiota; demos a ele uma cara que com certeza você vai querer socar“, contou.

Definitivamente a equipe conseguiu o feito que tanto queria.

Sinopse de God of War Ragnarok

“Do Santa Monica Studio, esta é a sequência da aclamada versão de 2018 de God of War”, começa a sinopse. “O Fimbulwinter já começou. Kratos e Atreus devem viajar pelos Nove Reinos em busca de respostas enquanto as forças asgardianas se preparam para uma batalha profetizada que causará o fim do mundo.

Nessa jornada, eles explorarão paisagens míticas impressionantes e enfrentarão inimigos aterradores: deuses nórdicos e monstros. A ameaça do Ragnarok se aproxima. Kratos e Atreus terão de escolher entre a segurança deles próprios e a dos reinos”.

God of War Ragnarok já está disponível para PS4 e PS5.