Edson Celulari fala sobre “Nosso Lar 2: Os Mensageiros”: “História que jamais vai envelhecer”

No filme, Edson Celulari interpreta Aniceto, líder de um grupo de espíritos mensageiros da cidade espiritual Nosso Lar

Edson Celulari e o diretor Wagner de Assis - Foto: Reprodução / Divulgação
Edson Celulari e o diretor Wagner de Assis – Foto: Reprodução / Divulgação

Edson Celulari estrela “Nosso Lar 2”

Edson Celulari e o diretor Wagner de Assis são os convidados especiais do novo episódio do Traz a Pipoca, podcast de cinema do Telecine. No papo com Renata Boldrini e Bruna Scot, a dupla falou sobre ‘Nosso Lar 2: Os Mensageiros’, sequência do longa de 2010 inspirado na obra de Chico Xavier e que levou mais de 4 milhões de brasileiros ao cinema.

Neste novo filme, também dirigido por Assis, Edson Celulari interpreta Aniceto, líder de um grupo de espíritos mensageiros da cidade espiritual Nosso Lar. O episódio fica disponível a partir de hoje (dia 25), no YouTube do Telecine, na plataforma Globoplay e no Spotify.

Ao ser questionado sobre o hiato de 14 anos entre um filme e outro, Wagner de Assis diz não ter uma resposta objetiva para dar, mas acredita que a continuação foi realizada no momento certo. “Por mim, [a sequência] teria sido feita no ano seguinte, mas várias coisas aconteceram. Agora, olhando para trás, penso que não era para ser. E a proposta desse novo filme está mais do que nunca sintonizada com os tempos que estamos vivendo”, declarou o diretor. “O desejo de fazer outro filme sempre existiu, desde quando pedi os direitos de adaptação da série, que é muito cinematográfica. Se depender de mim, faremos até ‘Nosso Lar 5’, porque temos material para isso”.

Diretor do filme destaca “universalidade” da história

Nosso Lar
Nosso Lar/Star Originals Production

Para Edson Celulari, embora se trate de um filme de nicho, a abordagem universalista dos filmes torna-os mais amplos e complexos. “Eu sou ator há muitos anos e gosto de boas histórias, sou católico de formação, mas sou também um curioso. Assim como o primeiro filme, este segundo é nichado, tem um público certo, mas é mais amplo por se tratar de uma linda história de amor, perdão e superação. É familiar, é para todo mundo e para sempre porque é uma história que jamais vai envelhecer”, destacou o intérprete do espírito Aniceto.

“A coisa mais bacana na doutrina espírita é sua universalidade, sua capacidade de ser compreendida por quem quer que seja, é legal quando as pessoas precisam do espiritismo, mas é muito bacana também quando elas buscam espiritualidade”, completou o diretor.

Saiba mais sobre o filme

Na trama, o médico André Luiz (Renato Prieto) junta-se a um grupo de espíritos mensageiros da cidade espiritual Nosso Lar liderados por Aniceto (Edson Celulari) na missão de ajudar a salvar projetos de vidas que estão prestes a fracassar.

Juntos, eles se dedicam a cuidar de três protegidos cujas histórias estão interligadas: Otávio (Felipe de Carolis), promissor médium que se desvirtua de sua missão; Isidoro (Mouhamed Harfouch), líder de uma casa espírita; e Fernando (Rafael Sieg), empresário responsável pelo financiamento do projeto de criação da oficina espiritual na Terra.

‘Nosso Lar 2: Os Mensageiros’ estreia nos cinemas brasileiros nesta quinta-feira (dia 25). O filme é uma produção da Cinética Filmes e tem coprodução e distribuição da Star Original Productions.