Disney+ remove tributo a Stan Lee das séries da Marvel produzidas pela Netflix

Uma homenagem a Stan Lee foi removida pela Disney do final da segunda temporada de O Justiceiro

Disney+ remove tributo a Stan Lee das séries da Marvel produzidas pela Netflix

Quando a informação de que a Netflix não teria mais os direitos de exibir as séries da Marvel produzidas por ela, os fãs ficaram em choque. Isso significava que nomes como DemolidorJessica JonesLuke CagePunho de FerroOs Defensores e O Justiceiro estariam retornando a sua casa. Melhor ainda, eles poderão se juntar ao Universo Cinematográfico da Marvel.

Quando o retorno foi finalizado, muitas pessoas se preocuparam com a censura; já que alguns programas são bastante brutais e mostram bastante sangue – algo que foge do que a Disney gosta de exibir em seu catálogo. Felizmente, esse nunca foi o caso, e a integridade dos shows foi mantida.

Porém, eles não estavam imunes a mudanças. Por exemplo, o crédito original da Netflix nos créditos de abertura foi removido dos programas, substituído por um logotipo do Disney+.

Agora, outro ajuste em um dos shows foi descoberto: a retirada de uma homenagem a Stan Lee.

Tributo a Stan Lee removido no Disney+

Uma homenagem a Stan Lee foi removida do final da segunda temporada de O Justiceiro, que foi lançado em janeiro de 2019. O tributo “In Loving Memory of Stan Lee” agora é substituído por uma tela preta prolongada antes dos créditos.

O que costumava ser mostrado pode ser visto abaixo:

O motivo por trás da remoção é desconhecido, mas uma teoria bastante forte na internet é que a cena que precede o tributo mostra Frank Castle atirando em um grupo de pessoas. Claro, essa não é a causa confirmada da mudança – afinal, foi assim que o tributo foi ao ar pela primeira vez com o programa em 2019.

Curiosamente, o tributo a Stan Lee encontrado no final da  terceira temporada de Jessica Jones  ainda está presente no Disney +.

Este não é o único tributo que o Disney+ editou de um programa da Marvel/Netflix: o tributo ao falecido ator Reg E. Cathey, que interpretou o reverendo James Lucas em Luke Cage,  durante o final da segunda temporada, também foi removido.

A homenagem original pode ser conferida abaixo: