Diretora executiva revela inspirações para o filme “A Menina Que Matou Os Pais – A Confissão”

O longa estreia em outubro no Prime Video.

A Menina Que Matou Os Pais
A Menina Que Matou Os Pais – Divulgação/Prime Video

Prime Video divulga o pôster oficial do novo filme da saga que desmembra o caso Von Richthofen. “A Menina Que Matou Os Pais – A Confissão” é o terceiro longa da franquia que destrincha de forma ficcional o caso que chocou o Brasil em 2002. O longa estará disponível no streaming em outubro deste ano.

A produtora executiva Deborah Nikaido, da Galeria Distribuidora, comenta: “Esse filme nasceu a partir das perguntas do público sobre o que aconteceu depois do que contamos nos filmes anteriores, lançados em 2021. Chegou a hora de desvendar essa história em detalhes para que todos saibam o desfecho do crime que chocou o país”. 

O diretor Maurício Eça e os roteiristas Ilana Casoy e Raphael Montes estão de volta na produção. E os atores Arthur Kohl, Che Moais, Adriano Bolshi, Augusto Madeira, Débora Duboc e Gabi Lopes também compõe o elenco. “Confissão” estreia exclusivamente no Prime Video no dia 27 de outubro.

Carla Diaz fala sobre o filme “A Menina Que Matou Os Pais”

A Menina Que Matou Os Pais e O Menino Que Matou Meus Pais são os dois filmes do Amazon que contam o caso Von Richthofen. Carla Diaz é a atriz que dá vida a Suzane Richthofen e em uma entrevista para o Omelete, ela conta sobre as produções brasileiras de true crime.

Carla deseja que com esses filmes, novas obras nacionais fictícias com essa temática tenham maior visibilidade no país. Ela completa: “O true crime ainda é muito recente no Brasil, né? A gente quase não vê produções do gênero, mesmo que a gente esteja acostumado a consumir filmes de terror, suspense, ação. Inclusive, vindas lá de fora, a gente tá acostumado a assistir a várias produções que abordam casos reais e crimes que aconteceram, então eu acho que cada vez mais as pessoas têm interesse para saber mais do que se passa na mente humana”.