Ator de “Vermelho Branco e Sangue Azul” passou por uma situação constrangedora nas gravações

O diretor explica que um dos protagonista teve uma preocupação única.

Vermelho, Branco e Sangue Azul
Vermelho, Branco e Sangue Azul – Divulgação/Prime Video

O filme “Vermelho, Branco e Sangue Azul” já está disponível exclusivamente no Prime Video. O novo longa é baseado no livro de mesmo nome de Casey McQuistonque e tem feito um grande sucesso entre o público. O diretor Matthew Lopez revela uma pergunta inusitada que o ator Taylor Zakhar fez durante as gravações.

“Eu entro no trailer de Taylor – estamos fazendo esse filme há cinco, seis semanas neste momento – e Karen olha para Taylor e diz: ‘Tudo bem, conte a ele o que você me disse’, e ele disse: ‘Eu não sei se devo depilar ou não’. Eu perguntei: ‘Seu rosto?’. E ele disse, ‘Não, querido’”, começa o cineasta

“Eu respondi: ‘Tudo bem, bem, o que você quer fazer sobre isso?’ Ele disse: ‘Basta olhar, ok?’ Então, eu tinha minha cabeleireira e maquiadora lá como acompanhante, porque eu não queria que minha carreira terminasse antes de começar, e Taylor, então, abaixa as calças e diz: ‘Olha minha bunda’. E eu comentei: ‘Você está bem, você está ótimo! O corpo em si, como é naturalmente, é uma coisa linda. Eu disse a Taylor, sim, basta trazer sua bunda peluda para o set’”, ele completa.

Saiba mais sobre o filme “Vermelho, Branco e Sangue Azul”

O longa adapta a obra literária de Casey McQuistonque e conta a história de Alex Claremont-Diaz (Taylor Zakhar Perez) o filho da persoangem de Thurman que vive um relacionamento secreto com Henry (Nicholas Galitzine), um príncipe britânico. A veterana Uma Thurman, conhecida por grandes obras como Kill Bill, viverá uma importante personagem: a presidente dos Estados Unidos, Elle Claremont.

As novas edições do livro não terão mais referências de “Harry Potter”. O livro será reimpresso, pois já tem feito muito sucesso com a novidade da adaptação para o Amazon Prime Video. E tudo indica que os motivos se referem as falas transfóbicas de JK Rowling.