6 motivos para assistir “As Marvels” nos cinemas

As Marvels
As Marvels

Com um trio de super-heroínas poderoso, As Marvels chega aos cinemas brasileiros em 09 de novembro. Com direção de Nia DaCosta, o filme apresenta Carol Denvers, Monica Rambeau e Kamala Khan trabalhando juntas pela primeira vez. Separamos uma lista com seis motivos para assistir ao longa exclusivamente nos cinemas, a venda dos ingressos para a pré-estreia já estão disponíveis.

Quando as obrigações de Carol Denvers a enviam para um buraco de minhoca anômalo conectado a um revolucionário Kree, seus poderem ficam entrelaçados com os da sua superfã de Jersey City, Kamala Khan, também conhecida como Ms. Marvel, e com os de sua distante sobrinha, agora astronauta da S.A.B.E.R., Capitã Monica Rambeau. Juntas, elas formam um trio improvável que deve se unir e aprender a trabalhar em equipe para salvar o universo.

Como um bom filme de herói, é preciso de um bom vilão! Fazendo sua estreia em grande estilo no MCU, a atriz Zawe Ashton interpreta a vilã Dar-Benn, líder dos Acusadores no Império Kree, que busca vingança contra Capitã Marvel. Já conhecido pelos fãs, o elenco é estrelado por nomes como Samuel L. Jackson (Invasão Secreta), Brie Larson, Iman Vellani e Teyonah Parris (WandaVision), que entregam seu talento para dar vida à personagens queridos pelo público.

Saiba mais motivos para assistir “As Marvels” nos cinemas

Apesar de haver um estereótipo de que histórias de quadrinhos e heróis são para meninos e homens, cada vez mais vemos meninas e mulheres envolvidas nesse universo. Não à toa, a representatividade se faz presente e heroínas tem ganhado espaço entre os fãs. A produção chega para reforçar ainda mais o protagonismo feminino ao trazer não uma, mas três mulheres estrelando e segurando um filme só para elas.

Além de As Marvels ser protagonizado por mulheres poderosas, o filme também é dirigido por uma – abrindo ainda mais espeço para mulheres em produções do MCU. Nia DaCosta consagra sua estreia na Marvel Studios sendo a primeira mulher negra, e a mais jovem, a dirigir um longa do estúdio. Como de costume em filmes da Marvel, As Marvels também conta com cenas pós créditos. Ao final do filme temos duas cenas, que deixarão o público sem folego para criar teorias sobre o futuro do MCU.